Em reunião, comissão discute proposta do Círio de Nazaré 2020 com Prefeitura de Macapá

0
552
Comissão do Círio de Nazaré reúne com prefeito de Macapá | Foto: Jefferson Souza - PASCOM

Diocese confirma que não haverá procissão no dia 11 de outubro e Círio acontece com atividades alternativas

O bispo de Macapá, dom Pedro José Conti, o pároco de São José, padre Rafael Donneschi, e a representante do Governo do Estado, Tânia Maria do Socorro, estiveram reunidos nesta terça-feira, 28, com o prefeito de Macapá Clécio Luís para apresentar a proposta de realização do Círio de Nazaré 2020.

Na reunião, dom Pedro, presidente da comissão organizadora, confirmou ao prefeito que a tradicional procissão do Círio não vai acontecer este ano, mas uma programação alternativa está sendo preparada para os devotos da Virgem de Nazaré em Macapá.

De acordo com a proposta apresentada, a comissão prevê no 2º domingo de Outubro a realização de um missa campal em um local amplo, com possibilidade de controle de acesso do público e com distribuição de senhas por paróquia. Após a missa, não havendo a grande procissão, carreatas devem ser realizadas pelas ruas da cidade com imagens de Nossa Senhora de Nazaré e percorrer os bairros.

O bispo de Macapá apresenta a proposta para o Círio de Nazaré ao prefeito | Foto: Jefferson Souza – Pascom

“O controle do público pode ser feito por paróquias, como fizemos já com Congresso Eucarístico (2016)”, explicou o bispo. De acordo com os coordenadores, o grande público devoto de Nossa Senhora e participante do Círio, poderá acompanhar as carreatas que acontecerão pela cidade.

“Não será possível fazer o Círio [procissão], mas se pode fazer as carreatas, por isso não só uma, mas cinco”, explicou dom Pedro. Estima-se pelo menos a realização de cinco carreatas, distribuídas pelos vicariatos da diocese na cidade de Macapá. “Se o povo não pode ir à santa, ela vai ao povo”, ressaltou.

A comissão do Círio confirmou ao prefeito que a realização desta proposta vai levar em consideração as condições sanitárias e recomendações necessárias neste período de pandemia do novo coranavírus.

O prefeito Clécio Luís afirmou que considerando os dados atuais da pandemia em Macapá, é possível esperar um cenário favorável para a realização desta proposta em outubro. “Hoje os indicadores estão bons, o número de atendimentos nas UBS’s bem controlados, mantendo a média” destacou.

Prefeito Clécio fala de números da pandemia | Foto: Jefferson Souza – Pascom

Tanto a comissão do Círio de Nazaré, quanto a Prefeitura de Macapá consideram a viabilidade da proposta dentro de um cenário ainda mais favorável do controle da pandemia no período da realização do evento.

Para garantir o acompanhamento das ações e avaliação constante da realização do evento, a comissão do Círio estará em contato com o grupo de trabalho da Prefeitura de Macapá responsável pelos estudos de flexibilização das atividades na cidade. O grupo acompanha e orienta a decisões da prefeitura relativas ao assunto. O representante do grupo, Cirilo Simões, também participou do encontro.

Para consolidar a proposta de programação, a comissão organizadora aguarda a confirmação e adesão por parte das paróquias da cidade e instituições parceiras nos próximos dias. A previsão que as peregrinações da imagem da Virgem de Nazaré inicie no dia 20 de setembro, com atividades adaptadas a realidade das instituições, famílias e Igreja por conta da pandemia.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Ponha seu nome aqui